Mostrando postagens com marcador Compras. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Compras. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Resenha | Nutritional Yeast da VeganWay


A loja Neo Kosmos me enviou esse pote de Nutritional Yeast da Vegan Way. Já comentei sobre a Neo Kosmos nesse post e para quem mora em São Paulo e quer fazer compras de cosméticos, suplementos e produtos de higiene e limpeza de várias marcas que não testam em animais (com várias opções veganas) em um lugar sem se preocupar se os produtos são cruelty free, é uma boa opção. Tem uma seleção muito legal de produtos!

Nutritional Yeast é uma levedura (um fungo) inativa (chamada Saccharomyces Cerevisiae)  bastante conhecida nos Estados Unidos. É similar, mas não se trata do levedo de cerveja vendido em supermercados. Ela contém:
  • 7 g de proteína por dose de 15 g
  • Todas as vitaminas do complexo B (B1, B2, B3, B6, B9 e B12)
  • B12 de origem confiável e procedência vegana
  • Fonte natural de Zinco, Selênio e Fibra Alimentar


O gosto é levemente amargo e azedinho, lembra o gosto de queijo. Nem toda levedura nutricional é igual. Fora do Brasil o Nutritional Yeast pode ser em flocos (como os das marcas Bragg e Red Star) e tem um gosto diferente ou melhor, na minha opinião.

A grande vantagem deste tipo de produto é poder adicionar nutrientes na comida, tornando qualquer prato mais rico em proteínas, minerais e vitaminas, principalmente a B12, sem comprometer as calorias. É bastante interessante para aqueles dias que comemos mal por algum motivo.


Eu testei adicionando em sopas de legumes, molho ao pesto, na massa do omelete de grão de bico, massa de hambúrguer, em molhos de saladas e no risoto. Deve ficar ótimo também em purê de batata, queijos veganos caseiros etc. Ele dá uma cremosidade a mais e um gostinho bom, na minha opinião.

Salada de brócolis e couve-flor com molho de tahine, limão e nutritional yeast

Risoto ao funghi com nutritional yeast

Macarrão e vegetais ao molho branco à base de castanha de caju e nutritional yeast  


O lado negativo é o preço: cerca de R$69 por 200g. Por outro lado, é bom saber que esse tipo de produto está sendo vendido no Brasil.

Página na Neo Kosmos:
https://www.facebook.com/Neo-Kosmos-Produtos-do-Bem-701868326517362/

Página da Vegan Way:
https://www.facebook.com/veganwaybrasil

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Resenha | BB Cream 7 em 1 da Alterra


A Alterra é uma marca alemã de cosméticos naturais e orgânicos, sendo a maioria dos produtos veganos (com o selo da Vegan Society) e orgânico (certificado Natrue/equivalente ao IBD no Brasil). Os preços dos produtos são muito bons, mesmo quando convertidos de euro para o real. (Por isso seria muito legal se alguma importadora pudesse comercializar marcas como a Alterra, Lavera e a Alverde no Brasil!)

Já tinha ouvido falar na Alterra através do blog alemão "Vegan Beauty Blog" (que é ótimo por sinal. Usem o tradutor do Google!).

Descrição traduzida do site sobre o Beauty Balm 7 em 1:

"O Beauty Balm SPF 6 da Alterra reduz linhas finas e disfarça as irregularidades da pele. As 7 propriedades são uma combinação de ingredientes ativos como extrato orgânico romã, azeite biológico, manteiga de karité orgânica e óleo de amêndoas orgânico, protege a pele e fornece 24 horas de hidratação. O balm de beleza com calêndula orgânica e extrato de hamamélis orgânico garante uma pele levemente matte e impecável."

- 24h de hidratação
- Esconde as irregularidades da pele
- Redução óptica de rugas
- Levemente matificante
- Nutre e protege a pele

- Uniformiza o tom da pele
- FPS 6 UVA + UVB 




Eu não sou muito fã de BB creams em geral por vários motivos (poucas opções de cores, baixa cobertura, muitos são inadequados para peles oleosas, preços altos etc) mas imaginei que seria uma boa ideia nos dias de calor usar o bb cream e pó, e diminuir o uso de corretivo aos poucos.

Ultimamente tem feito MUITO calor aqui e é injusto testar e resenhar qualquer produto para pele agora, mas mesmo em temperaturas mais baixas percebi que ele não segura a oleosidade nem fica sequinho na pele, tampouco disfarça poros dilatados. A pele fica luminosa e quem tem pele oleosa ou mista precisa selar com pó. 



Tenho usado ele diariamente há aproximadamente 40 dias e as minhas conclusões são:

Prós

  • Uniformiza o tom da pele, deixando uma aparência natural
  • Hidrata bem (elimina aquelas pelinhas de descamação)
  • Cobre algumas manchinhas e ruguinhas
  • Depois de um tempo de uso diário (+2 semanas) a pele fica com aparência mais bonita
  • Não obstrui poros (não me deu cravos e espinhas)
  • Duração na pele por mais de mais de 6 horas (com o pó, a duração na pele aumenta)
  • Rende (com uma gotinha eu espalho no rosto inteiro)
  • Cheiro não incomoda


Contras

  • Não segura a oleosidade 
  • Baixa cobertura. Não cobre todas as marcas e manchas da pele
  • Possui baixo fator de proteção solar (FPS6)
  • Não deixa a pele matificada 
  • Não existem cores mais escuras



No geral, eu fiquei satisfeita porque achei que compensou pelo preço pago: R$22,00 por 30ml. Acredito que quem aproveitaria melhor esse BB Cream são as pessoas com pele seca ou normal, quem não se expõe muito ao sol e quem prefere a pele com aparência mais natural/pouca cobertura no dia a dia.


Eu fiz a compra na loja da Lola (lolahaus.com), que é uma brasileira morando na Alemanha e envia os produtos para o Brasil. Diferente da Element Cosmetics, que também envia de lá, a Lola só comercializa produtos cruelty free e as eventuais amostras/brindes sempre serão veganas.
Obs: se for comprar na Element peçam brindes veganos ao invés de balas de gelatina!
A compra demorou cerca de 45 dias para chegar e não fui taxada.

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Loja de Produtos Cruelty Free em São Paulo: Neo Kosmos


Quando estive em São Paulo, conheci a loja "Neo Kosmos - Produtos do Bem". O conceito da loja é vender apenas marcas que não realizam testes em animais. Essa seleção de marcas foi obtida através de listas como a da PEA, e-mails às empresas e blogs como o meu (!). Além disso, os produtos veganos são marcados com um selinho verde.

Há uma grande variedade em cosméticos, produtos de higiene, para bebês etc. No futuro há a previsão de disponibilizar também produtos de limpeza e suplementos.  

Herbia, Phytoervas, Vizcaya, Bioextratus, Est

Higiente bucal: Contente

 Arte dos Aromas, Granado e Feito Brasil

 Pincéis sintéticos e absorventes Natracare

Giovanna Baby e Vizcaya



Vult e Elke
  
Phebo e Granado


Achei muito legal a iniciativa das idealizadoras. Certamente facilita demais a vida de quem busca por produtos cruelty free e veganos. Inveja mega master de quem mora em São Paulo!


Localização: Rua Pamplona, 1375 - São Paulo - SP
Tel: 11.30641721 | 11.30642038 | 11.30642096

Facebook: https://www.facebook.com/Neo-Kosmos-Produtos-do-Bem-701868326517362/



sábado, 12 de abril de 2014

Compras na Zona Cerealista Online


Quem é de São Paulo provavelmente já deve conhecer a Zona Cerealista. Lá é como se fosse o Mercado Central aqui de BH, onde é possível encontrar uma grande variedade de grãos, cereais, especiarias, chás, produtos naturais etc sendo vendidos a granel e a preços mais baixos.

Existe uma loja virtual, a Zona Cerealista online, que faz entrega para todo o Brasil através de e-sedex (preços acessíveis e entrega expressa). É possível comprar proteína isolada de soja, sementes de chia, quinoa, oleaginosas, chás e farinhas por um preço bem abaixo do que vemos por aí.

Antigamente eu comprava esse tipo de coisa no Mercado Central. No entanto, deixei de ir lá devido às péssimas condições em que os animais vivos são comercializados na ala dos animais, que fica próximo à ala dos alimentos (dá até para ouvi-los e é deprimente), além dos preços caros que vem sendo cobrados dos produtos. Sem contar no valor abusivo do estacionamento, R$10 a hora, independente do quanto se gasta!

Gostei muito dos prazos de entrega da ZC e, na verdade, eu fiquei surpresa de receber uma encomenda no dia seguinte ao da compra!

Dessa vez eu comprei proteína isolada de soja (90% de teor proteico) a R$8 por 200g, chá verde e de hibisco desidratado, farinha de glúten e oleaginosas. O total não passou de R$60 e o frete foi R$12. Eu estava pagando R$36 por 300g de proteína isolada de soja da Integral Médica (Super Proteinato de Cálcio 90).

As minhas impressões sobre a proteína isolada de soja da ZC são: ela é facilmente dissolvida em água, não forma pelotinhas, tem um gosto forte (amargo, já que é 90% de proteína e praticamente 0 gordura e baixo teor de carboidrato - 10%), fica bem densa quando dissolvida em água e é um pouco mais difícil de beber quando comparada às PIS (proteína isolada de soja) que eu tomo normalmente (Integral Médica, DNA, Jarrow etc), já que essas possuem aroma de baunilha, chocolate etc. Essa da ZC é pura, por isso não tem nenhum aditivo nem sabor pra disfarçar. Daí num shake após a musculação, por exemplo, eu coloco dextrose e se tiver difícil de tomar, coloco uma colher de melado, que já adoçam e fica mais "tomável" (não precisa tampar o nariz e virar hehe).

Então fica a dica de PIS, principalmente para os que acham que é caro ser vegano. Quem não tem acesso à esses produtos e mora em cidade do interior, a internet está aí para facilitar a vida.

Falei mais sobre PIS nesse post e sobre a soja aqui.

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Compras na Vitacost: B12, defrizante, hidratante e óleo da Desert Essence


Vitacost é uma loja virtual muito similar ao iHerb, onde é possível encontrar muitos produtos veganos, naturais e baratos. Achei muito interessante que os produtos com certificado de cruelty free Leaping Bunny levam o selo na página do produto. Eu quis comprar lá devido ao desconto de $10 oferecido na primeira compra, assim como no iHerb. Comprei no final de novembro e chegou no início de janeiro, sem taxas, totalizando 50 dias aproximadamente. Caso queira comprar lá, nesse link é possível liberar o desconto de $10 em compras acima de $30.


1. Suplemento de B12 da Deva com 90 comprimidos - $8.39

Apesar de ainda não haver um consenso entre qual a melhor forma de vitamina B12 (cianocobalamina ou metilcobalamina), eu prefiro intercalar as 2. Alguns dizem que a metilcobalamina é a forma menos estável, outros dizem que, por outro lado, é de mais fácil absorção pelo organismo. Geralmente os alimentos suplementados levam a forma cianocobalamina, que é sintética e mais barata. Para saber mais sobre a B12, recomendo muito esse link.

Eu só não queria que tivesse ácido fólico! Meus exames de sangue sempre mostram que tenho ácido fólico em excesso. O ácido fólico é facilmente encontrado em verduras escuras e farinhas suplementadas.



2. Hidratantes - Coconut e Tropical Coconut da Desert Essence - $4.99


Ambos tem cheirinho de coco, mas o Tropical Coconut tem cheiro de coco com outra fragrância docinha frutal que eu não consigo identificar e lembrou muito o hidratante Sapien Women da Surya. Se você não adorar o cheiro de coco, melhor passar longe desses 2. O Coconut parece muito com cheiro de Pina Colada e protetor solar de coco, mas eu não ligo! Fiquei com vontade de experimentar o Coconut Lime da marca.

São de rápida absorção na pele e eu não achei o cheiro muito forte após algum tempo de aplicação. Também achei que hidratam direitinho.

A composição é fantástica e a Desert Essence possui certificado de Cruelty free.



3. Defrizante e protetor térmico Coconut da Desert Essence - $6.19

É complicado resenhar um protetor térmico, já que os efeitos do calor do secador, chapinha ou babyliss, só são percebidos meses depois. O diferencial desse produto é que ele não contém silicone e o que age como proteção térmica é o Pantenol, ou vitamina B5. Além disso há outros ingredientes bacanas como o óleo de coco, aloe vera, óleo de jojoba e o poliquartenium.

Como defrizante eu achei que faz o trabalho direitinho e deixa o cabelo macio e comportado. Notei que ele deixou o cabelo mais liso. Mas vou ser sincera, só comprei ele por causa do cheiro de coco! O cheiro fica no cabelo durante umas 4 horas, mas depois só sinto se bater um vento. Pessoalmente eu amei a fragrância, mas é provável que muitos não gostem.




4. Óleo de Jojoba Orgânico da Desert Essence - $8.85


Também conhecido como "ouro líquido". Eu escolhi a versão orgânica e possui um cheiro de defumado. Já li que é quando o óleo não foi desodorizado e é normal apresentar esse cheiro. Tenho um outro óleo de jojoba que possui um cheiro de bacon também! Não é agradável, mas como os resultados na pele são excelentes, dá pra suportar! Falei mais sobre os benefícios do óleo de jojoba aqui.


5. Base compacta Honeybee Gardens na cor Malibu - $7.49

Já fiz uma resenha das bases da Honeybee Gardens nesse post. Como elas são bem clarinhas e já estavam no finzinho, senti necessidade de comprar uma mais escura para dar uma corzinha de saúde no verão. Essa base na cor Malibu fica ótima em cima do corretivo da NYX na cor Beige 4.



Comparação com as outras cores (Supernatural, Luminous e Malibu):


---
Observação:

Eu adoraria prestigiar e comprar de empresas brasileiras, mas os motivos pelos quais eu ainda compro fora, mesmo aguentando demoras no prazo de entrega e possíveis taxas, são estes:

1. Preço de produtos naturais, veganos e orgânicos lá fora é MUITO mais baixo.

2. Produtos voltados para veganos são solenemente ignorados no Brasil. Posso contar na mão as empresas brasileiras que deixam claro no rótulo quando um produto é vegano. Aqui os veganos adquirem o método de leitura dinâmica porque ainda temos que ler o rótulo dos produtos e contar com a boa vontade e honestidade dos SACs das empresas.


<3


terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Onde comprar produtos veganos em BH - cosméticos, alimentos e higiene

Belo Horizonte evoluiu muito em termos de opções veganas nesses últimos meses, no entanto, muita gente ainda não consegue encontrar produtos sem ingredientes de origem animal, não testados em animais e voltados para público vegano em supermercados e lojas mais conhecidas. O intuito desse post é manter o maior número de informações possível, para ajudar quem gostaria de comprar produtos veganos, mas não sabe onde encontrar. Toda informação adicional é bem vinda.

1. Terra Vegana

ATUALIZAÇÃO: A loja física da Terra Vegana está temporariamente fechada.

A loja foi inaugurada há pouco tempo e ainda está em fase de ampliação, mas já possui vários produtos veganos. As proprietárias (mãe e filha) são veganas e montaram a loja para facilitar a vida dos veganos de BH. Lá é possível encontrar pasta de dente da Contente (até então inexistentes na cidade), produtos de limpeza da Milão, produtos da Goshen, Mr. Veggy, desodorante de cristal, chocolates, cosméticos da Feito Brasil etc.

Endereço: Rua Bolivar Mineiro, 433 - loja 06 bairro Dona Clara. Belo Horizonte-MG
Tel: (31) 2510-4010

https://www.facebook.com/Terravegana

Essas salsichas e linguiças da Goshen não são de Deus! São MUITO parecidas com salsichas de carne.
 



2. Empório Nanak

ATUALIZAÇÃO: A loja física do Empório NANAK está fechada.

A loja também é totalmente vegana e é voltada para a venda de produtos naturais e orgânicos. Tem alimentos congelados (Tofutti, Mr. Veggy etc), leites vegetais, óleos essenciais, maquiagens da Alva, cosméticos da Herbia, Weleda, Reserva Folio, perfumes Pacifica, produtos indianos etc. Também entregam em domicílio.


Endereço:
Empório Nanak - Rua Ivon Magalhães Pinto, 511 São Bento. Belo Horizonte-MG
Tel: (31) 3234-5792
Funcionamento: De segunda a quinta-feira das 9:00h às 19:00h e sexta-feira das 9:00h às 17:30h.*
*Fechado diariamente para almoço das 13:00h às 14:30h.
http://www.emporionanak.com.br


3. Fito Alimentos

A loja não é vegana, mas possui vários produtos veganos naturais, orgânicos, congelados, leites vegetais, tofus e hortaliças orgânicas. Também é possível encontrar produtos de limpeza orgânicos da Biowash.



http://www.fitoalimentos.com.br

Endereço:
Rua Rio Grande do Norte, 982 - Funcionários
Belo Horizonte/MG - CEP:30.130-131
TEL: (31) 3296.1934 | 3296.1924
ESTACIONAMENTO PRÓPRIO

Av. Bandeirantes, 1364 - Mangabeiras
Belo Horizonte/MG - CEP:30315-000
TEL:(31) 3282.2448
ESTACIONAMENTO PRÓPRIO


4. Mundo Verde


A loja também não é vegana mas possui algumas opções de cosméticos e alimentos veganos, orgânicos, integrais e naturais.

Rua Francisco Deslandes, 855 - Anchieta - Belo Horizonte - MG
Telefone: (31) 3222-0972
Horário de Funcionamento: Segunda á Sexta das 9hs ás 19hs e Sábado das 9hs ás 14h

Av. Prudente de Moraes, 563 - Santo Antônio - Belo Horizonte - MG
Telefone: (31) 2512-5678
Horário de Funcionamento: Segunda á Sexta das 9hs as 20hs, Sábado das 9 as 15hs


5. Mercado Central

Apesar da deprimente e vergonhosa ala de venda de animais vivos e mortos, há algumas lojas que vendem vários produtos vegetarianos e veganos, como produtos da Jasmine, Mãe Terra, Olvebra, proteína isolada de soja, PTS, chocolates Tri-Gostoso, Alfarroba, pães, leites vegetais, grãos, castanhas a granel e frutas.

Av. Augusto de Lima, 744
Tel: (31) 3274 9434
Horário de Funcionamento: Segunda a Sexta 7:00 às 18:00 | Sábado 7:00 às 18:00 | Domingos e Feriados 7:00 às 13:00

6. Carro de Lanches Vegetarianos


Fonte: Vista-se

O carro de lanches vegetariano vende alimentos prontos e congelados como salgados, feijão tropeiro, lasanhas, pizzas,  doces etc.

Endereço
Terça à Sexta das 12 ás 20hrs na Praça José Mendes Junior (praça do COPOM)
Ao lado da rua da Bahia 2160.
Sábado das 12 às 20hrs.
Domingo das 12 às 16hrs.

Só não abre nas segundas-feiras.
Sexta e sábado das 20 h às 02 da madruga na Sergipe, nº 1497 (em frente a boate Velvet).
Facebook  | Telefone (31) 9219-9269 | E-mail: cinefilobr@yahoo.com.br


7. Quituts


Quituts Comida Vegana

Encomenda de doces, salgados, panetones, cupcakes e oferece buffet de festa, tudo 100% vegano.

É possível encontrar alguns lanches na Lanchonete da Escola de Belas Artes da UFMG
Av. Antônio Carlos, 6627 - Pampulha
Site: http://quituts.blogspot.com.br/
Contato: (31) 3487-6309 ou quituts@gmail.com


8. Com Gentileza

Cupcakes, sanduíches, salgados e doces todos veganos. Oferece serviço de buffet para eventos. Serve almoço vegano de segunda à sábado. Em alguns dias do mês há festivais de comida vegana.

Rua Timbiras, 715 - Funcionários
Facebook: https://www.facebook.com/comgentileza/
Telefone: (31) 2515-3223





----
 
Além dessas lojas, os supermercados e lojas que podem ser encontrados alguns produtos veganos são:

- Mercearia Tokio: Tofu por R$13,90/ kg.

- Supermercado Supernosso: produtos Goshen, produtos de limpeza da Ypê, orgânicos etc.

- Supermercado Verdemar: hmbúrgueres da Samurai, Goshen, Ecobrás e Pranic, tofu, pasta de tofu, iogurtes de soja, chocolates Olvebra, patês da Ecobrás, produtos de limpeza Biowash e Amazon, orgânicos etc.

- Supermercado Extra: tofus, patês e hambúrgueres da Ecobrás, iogurtes de soja etc.

- Walmart em Contagem: produtos de limpeza veganos da Amazon

- Lojas Rede: produtos da Surya, Bioextratus etc.

- Feiras de orgânicos: veja a lista nesse site.

- Ração vegetariana da Fri Dog: Império da Ração

- Botica Veg: cosméticos veganos, alimentos veganos e produtos de limpeza. Site

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Resoluções para 2014

Sei que isso pode soar um clichê meio ridículo, mas penso que uma lista de resoluções pode ser inspirador para algumas pessoas, principalmente quando percebemos que temos vários pontos a melhorar. Fazer listinhas do que podemos cumprir é bom porque, apesar da informalidade, funciona como um comprometimento pessoal.


1. Apadrinhar animais


Escolha uma ONG de confiança da sua cidade e faça doações mensais com qualquer valor que sentir confortável financeiramente. Caso ainda não tenha condições, é possível ir à ONG uma vez por semana, brincar com os animais, dar um passeio com os peludos, ajudar a dar banho, doar medicamentos e brinquedos etc. É possível também ser voluntário em feiras de adoção, mas eu, pessoalmente, fico um pouco incomodada de ver o cachorro mais gente boa do mundo ser adotado por alguém que foi à feira a procura de um cão de raça. Tem que saber lidar com essas pessoas. Existem também ONGs que ajudam cavalos resgatados de carroceiros, animais silvestres e animais resgatados de abatedouros. Exemplos de algumas das ONGs: Natal Animal, Chicote Nunca Mais, Cão Viver, Asas e Amigos.


2. Consumo mais consciente


Muitas vezes compramos coisas que não precisamos e que não serão úteis nem a longo prazo, movidos apenas pelo impulso do momento. Quando nos damos conta, essas coisas vão parar no fundo da gaveta e ficarão esquecidas eternamente. O perigo é quando associamos o ato de comprar com alívio de uma frustração e o sonho de uma viagem ou a compra de uma casa, por exemplo, ficam mais distantes. Sem contar que cada vez que compramos algo inútil, estamos contribuindo para o excesso de resíduos e impactos ambientais com matérias-primas. É claro que eu não vou ser hipócrita de dizer que só comprarei o necessário e cortarei todos os supérfluos... somos seres humanos e temos diversas fraquezas. Alguns produtos realmente nos fazem sentir melhores. Quem sou eu para dizer a alguém que não compre algo. Mas vamos pensar 20 vezes antes de comprar e nos perguntar se precisamos mesmo daquilo ou se é só uma vontade passageira. Tente se segurar e comprar uns 2 dias depois de pensar bem. Vamos tentar valorizar mais o que já temos e fazer escolhas mais conscientes. Além disso, sempre que possível, é bom esvaziar as gavetas e fazer doações. Menos é mais.



3. Priorizar empresas éticas/veganas/vegetarianas



Essa provavelmente não seria uma resolução de 10 anos atrás. No entanto, atualmente surgem cada vez mais empresas preocupadas com o meio ambiente e com os animais que não tem mais desculpa. Descobri há pouco tempo várias lojinhas e empresas veganas no Brasil, não só marcas e lojas físicas, como lojas virtuais que entregam em todo o Brasil. Por que não valorizar e prestigiar lojas e empresas veganas ao invés de comprar de grandes empresas que lucram cada vez mais às custas da exploração de animais (humanos e não humanos)?


4. Priorizar os orgânicos



Não é bizarro se deparar com frutas cobertas por uma película esbranquiçada de agrotóxico? Recentemente uma pesquisa da Anvisa revelou que no Brasil alguns alimentos possuem mais agrotóxicos que o limite permitido para saúde humana. Acho que eu nem preciso citar os malefícios dos agrotóxicos à saúde e ao meio ambiente. Infelizmente os produtos orgânicos com certificado ainda não recebem subsídios do governo brasileiro (como ocorre na Europa, por exemplo) e o preço acaba pesando no bolso. A solução mais barata é comprar os alimentos críticos que possuem agrotóxicos muito acima do permitido como pimentão, cenoura, morango, pepino, alface, tomate, abacaxi etc. com certificado orgânico e comprar em feiras orgânicas. Veja a lista de feiras orgânicas em sua cidade aqui. Ter uma hortinha em casa também vale a pena.


5. Educar pessoas 


A única maneira de salvarmos os animais (objetivo do veganismo) é aumentando cada vez mais o número de veganos. Mas como aumentar o número de veganos? Educando! Ninguém nasce vegano ou carnista. Ninguém nasce achando que cachorro de raça tem valor, que vira-lata é lixo, que porco e boi são comida, que cavalo é pra puxar carroça, que gato é fofinho e animal de companhia... isso tudo é ensinado! Se somos ensinados a não sermos veganos, podemos ser ensinados a sermos veganos.

Se o objetivo do veganismo for limpar a consciência de cada um apenas, seja vegano e ponto final. Se o objetivo for salvar animais, vire vegano e eduque as pessoas com quem você convive! Educar não significa necessariamente ativismo em avenida, como o Veddas faz (nada contra, diga-se). Educar pode ser conversar com as pessoas da família, amigos e conhecidos. A única coisa que um vegano não deve fazer é ficar calado achando que veganismo é mera opção individual, cada um na sua, e contanto que você esteja fazendo a sua parte, tudo bem.

Resolução pra 2014: sair do mundinho particular, parar de ter vergonha, de não querer incomodar e educar mais as pessoas.

6. Evitar calorias vazias (açúcar e frituras)


Esse ano eu engordei um pouquinho por pura fanfarronice. Venho percebendo que sou viciada em açúcar. Lendo a respeito, encontrei algumas pesquisas como essa, que sugerem que alimentos ricos em açúcar e frituras causam efeito similar ao da cocaína no cérebro. A melhor forma de evitar esse vício é diminuir aos poucos. O paladar se adapta com o tempo, mas o organismo às vezes parece exigir! Como eu odeio o gosto de adoçante, prefiro não adoçar sucos, chás e café. Depois do almoço, procuro comer tâmaras, frutas secas, sorbets e chocolates sem açúcar. O grande desafio é tentar exorcizar essa pessoa que mora dentro de mim e aparece de tempos em tempos com uma vontade alucinante de atacar batata frita, sorvetes e chocolate!