Mostrando postagens com marcador Alba Botanica. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Alba Botanica. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Resenha: Protetor sola da Alba Botanica - Lavender



Reconheço que as opções de filtros solares veganos no Brasil são limitadas. Os que encontramos facilmente em farmácias (Sundown, Nivea, L'Oreal, La Roche Posay e até mesmo o Spectraban) pertencem à empresas que testam em animais. Eu já falei sobre algumas alternativas aqui e aqui. Nessa semana eu falarei sobre os protetores solares que estou testando.

Há alguns meses eu comprei o protetor solar da Alba Botanica em uma feira de orgânicos aqui em BH. Essa vendedora também vende cosméticos (quase todos veganos) pela loja virtual Seja Bio (http://www.sejabio.com/loja/loja.html).

A Alba Botanica possui o selo Leaping Bunny (órgão certificador de empresas cruelty free) e a maioria dos cosméticos são veganos. O único ingrediente de origem animal usado é a cera de abelha em alguns produtos. Não utilizam também uma série de ingredientes considerados polêmicos como parabenos, sulfatos e compostos que prejudicam a vida marinha. Mas não classificaria os produtos como naturais, já que há vários ingredientes sintéticos nas fórmulas.

O protetor solar que eu comprei foi o "Lavander"da linha Very Emollient Sunscreen. Ele é a prova d'água e possui longa duração na pele (2 horas). No iherb ele custa cerca de US$4. Eu paguei cerca de R$35,00 por 28g de produto (eu achei muito caro, mas enfim...).





As minhas impressões a respeito desse protetor solar não são boas. Para começar, achei a consistência um pouco oleosa, mas não melequenta. Outro ponto negativo é que não tem cheiro de lavanda como achei que fosse ter. Na verdade o cheiro é suave, mas similar à maioria dos protetores solares. Ou seja, a lavanda é puro apelo comercial... A absorção também não é tão rápida como alega a empresa, mas melhor que a de alguns protetores que já testei. Pelo menos ele não deixa nenhum resíduo branco na pele.

Um dos contratempos que tive foi dormir com esse protetor no rosto e esfregar os olhos com os dedos. Quase morri de tanta ardência nos olhos! Fui procurar saber e li vários outros relatos como esse.

Além de ter tido essa experiência desagradável, achei que ele obstruiu meus poros. Eu tenho a pele oleosa com tendência a acne no verão e milagrosamente estava há meses sem nenhuma espinha graças à combinação: sabonete de carvão + tônico de vinagre + tea tree + maquiagem mineral = <3). Daí justamente quando comecei a usar esse protetor solar, apareceram espinhas no meu rosto e uma nas costas.

Antes de escrever esse post, eu li várias resenhas positivas sobre esse produto e fiquei surpresa. Acredito que pessoas com pele seca possam se adaptar a esse protetor solar, contanto que mantenham o produto bem longe da região dos olhos, ou usem somente no corpo. Quem tem a pele mista ou oleosa, fuja dele! Existe um protetor indicado para peles oleosas da Alba Botanica que diz não obstruir poros: este.

Ele cumpre o papel de proteger direitinho a pele contra o sol e previne queimaduras. Mas não acho que ele compensa e não compraria novamente.