sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

A alimentação vegana é cara?


Percebo que essa é uma pergunta recorrente a respeito do veganismo e acho que é uma questão muito relativa que frequentemente é analisada de forma incorreta e/ou superficial.

1) Existe comida vegana cara e barata, assim como existe comida onívora cara e barata.

Nunca vi ninguém dizer que a alimentação onívora é cara porque o preço do salmão e do presunto de Parma é alto. Quem não pode comer salmão e lagosta acaba comendo mortadela e salsicha, não é? Por isso, vamos ser justos e fazer a comparação certa. Existem produtos veganos baratos e outros caros. Se você acha um determinado produto caro demais, não há problema algum. Compre algo mais barato. É exatamente isso o que os onívoros fazem o tempo todo.

Se a pessoa onívora come filé mignon, queijo importado, camarão, blanquet de peru etc, ela tem um padrão diferente de quem come apresuntado, pão com manteiga e salsicha Pif Paf. Dessa forma, existem onívoros que gastam muito dinheiro para se alimentar e onívoros que gastam pouco. Com o veganismo não é diferente. Da mesma forma um vegano que come somente frutas da região, verduras, leguminosas e legumes comprados no Ceasa difere do padrão de outro vegano que compra patê orgânico, hambúrguer gourmet de quinoa com chia e nuggets do Mr. Veggy, por exemplo.

Há espaço para todo mundo no veganismo. Todos os bolsos podem ser veganos.


2) Geralmente produto de baixa qualidade custa menos.

Alguns comparam hambúrgueres vegetais orgânicos de alta qualidade nutricional, feitos com matéria prima nobre, com hambúrgueres de carne da Pif Paf cheios de gorduras saturadas e ingredientes asquerosos. Como nesse caso o hambúrguer vegano é mais caro, acham que essa é uma comparação válida para justificar que o veganismo é inviável financeiramente.

Muitos olham o preço da salsicha vegana, comparam com o preço da salsicha de carne e dizem "ah, mas essa vegana aí é mais cara! Assim não dá! Vou comprar a de carne mesmo". Mas a salsicha vegana tem de ser mais cara mesmo, afinal não se pode comparar salsicha vegetal orgânica, feita de grãos, com salsicha feita de carne "mecanicamente separada", que é um eufemismo para cartilagem, testículo, pele, cérebro e outras tosqueiras encontradas nesse tipo de produto.

Conclusão: produtos feitos com matérias primas mais nobres custam mais caro do que produtos feitos com restos, com lixo.


3) Lei da oferta e da procura

Alguns produtos voltados para o público vegano são caros porque a demanda é baixa. Um produto que vende uma tonelada por dia custa mais barato que um similar que vende 1kg por dia. Com o aumento do público vegano, algo que vem ocorrendo a passos largos pra desespero dos exploradores, a tendência é baixar o preço dos produtos.


4) "Pão duragem"

Conheço pessoas com alto poder aquisitivo, onívoras, que "pra economizar" se recusam a comprar um tofu por R$10, preferindo comprar um queijo por R$7. Escolhem um iogurte de leite por R$2,00 ao invés de um de soja por R$2,35. Mas essas mesmas pessoas não tem nenhum problema em ir na lanchonete, no rodízio, e gastar absurdos. Ou seja, a pão duragem é direcionada aos produtos veganos. O sujeito não liga de ir num bar e gastar horrores em bebida e petisco. Mas diga pra comprar um produto vegano 2 reais mais caro e começa o chororô com dinheiro.

Não quero ditar regra sobre como as pessoas devem gastar dinheiro, só não aceito desculpa esfarrapada de "preciso economizar 1 real, veganismo é caro" quando elas não economizam em várias outras situações da vida.

Dessa forma, não é correto dizer que a dieta vegana é intrinsecamente mais cara. Depende do seu padrão de vida, depende do tipo de alimentação (natural ou industrializada) e do quanto se preocupa com a saúde. O fato é que existem várias maneiras de gastar menos se você estiver disposto a preparar mais alimentos em casa, por exemplo.

Para se ter uma ideia, vou mostrar muito simplificadamente algumas comparações entre produtos veganos e onívoros, com valores retirados de sites como Pão de Açúcar, loja Provegan, Olvebra etc.



O blanquet de peru é mais caro que as 2 opções  veganas.


A maionese Vegetale custa praticamente o mesmo tanto que a outra maionese.


Um requeijão orgânico feito de leite de vacar e tofu cream orgânico feito a partir de tofu.



1 copo de leite de soja Olvebra Ômega, pacote de 1kg (30g) = R$1,50
1 copo de leite de vaca Molico (30g) = R$1,50 


Detalhe: boa parte do que as pessoas onívoras comem já é vegana: feijão, arroz, macarrão, saladas, frutas, etc. Ou seja, as pessoas já compram comidas veganas toda hora e nunca reclamaram, por isso não acho correto alegar que o preço dos alimentos inviabiliza o veganismo.


14 comentários:

  1. Claro que não é cara! quem come carne gasta muito mais! ainda mais se for uma família grande, imagina o quanto de carne e porcarias a família não compra? podemos fazer um sacolão bom, com pouco! castanhas, por exemplo, são caras o quilo, mas em compensação duram muito tempo e também não é para comer demais! rs caro é quem consome esse monte de porcaria que vemos por ai! pois quem come carne acaba comendo de tudo! bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc, Cibele! Eu também acho que existem muitas carnes super caras por aí e ninguém reclama. Se a dieta se basear em um sacolão, fica mesmo muito mais barato do que em produtos industrializados.
      É verdade, as castanhas estão muito caras, mas ninguém se entope delas! Como umas 3 por dia. Então um pote de 100g dura mais de 1 semana e no final não sai caro.

      Caro sairia no final da vida os gastos com remédios e médicos devido aos problemas cardíacos que teríamos se nossa alimentação fosse baseada em carne, gorduras e laticínios!

      Excluir
    2. concordo com vcs! a carne é infinitamente mais caro e faz mal a saude o q é bem pior!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Excluir
    3. Pois é, Susu. Os gastos com hospital mais tarde saem beeeem mais caros!

      Excluir
  2. É caro sim, não sejamos hipócritas, mas vale muito a pena pagar o preço, pela causa, pois ela é muito mais forte, maior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro? Depende. Macarrão, feijão, grão bico, lentilha, nhoque, tomate, alface, macarrão, molho de tomate, leite de coco, curry, beterraba, brócolis, couve flor, batata, maçã, banana, abacate... nada disso é caro. TODO MUNDO come essas coisas! Todo mundo já é em boa parte vegano.

      O sorvete vegano da sorveteria é mais caro que os demais? Não. O hambúrguer de soja da hamburgueria é mais caro que o de carne? Não. Nem tudo que é vegano é mais caro.
      Só isso aí já mostra que dizer que a dieta vegana é obrigatoriamente mais cara é mentira.

      Caro é o sorvete importado Tofutti, a mussarela vegana da Tofutti, o leite de arroz orgânico e mais uns produtos mais "nobres". Tem coisa cara vegana? Tem, mas tem coisa cara na dieta onívora e ninguém reclama dizendo que a dieta onívora é cara porque tem algumas coisas na dieta onívora que são caras.
      Quando o veg é caro, as pessoas dizem "tá vendo? Olha o preço! É caro! Assim não dá!" Quando é onívoro, as pessoas dizem "ah, tá caro mas tudo bem, vamos comer outra coisa mais barata".

      Excluir
  3. A comida vegana é tão, mas tão mais barata, que hoje me sobra dinheiro pra comprar coisas que eu não comprava, porque achava que ficava um absurdo de caro, tipo castanha, shitake, tomate seco, etc. Eu confesso que não compro nada industrializado, eu faço o meu tofu, minhas pastas, meu hamburguer. Comprar esses alimentos prontos eu acho muito caro, e realmente pra mim não dá. Eu trabalho mais, fico mais cansada, mas acho que nossa qualidade de vida aumentou bastante, estamos bem mais saudáveis.
    Carnes eu já não comprava há um tempo, mas eu me lembro de gastar uma nota comprando requeijão, queijo e leite toda semana.
    Não entendi onde fica a hipocrisia...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Deise,
      Concordo com vc. Se fizermos tudo em casa, o preço fica absurdamente mais barato. Tudo industrializado encarece e a gente nunca sabe o que realmente tem nesses produtos. De vez em quando eu gosto de chegar em casa cansada e comer uma comida diferente e gostosa, daí apelo para os industrializados, mas mesmo assim não sai mais caro!
      Como disse no post, depende muito do tipo de alimentação que a gente leva. Pode ficar mais cara ou mais barata. Dizer que fica mais cara não é necessariamente verdade...

      Excluir
  4. Eu como carne raramente, mas a maior parte da minha alimentação é vegana. Para evitar lactose, eu comprei extrato de soja no lugar do molico e rendi muuuito! Uso leite de coco nas receitas que eu faço de bolo e sobra dinheiro sim. O que as pessoas possuem é preguiça de procurar. Agora mesmo farei uma lasanha de berinjela e tudo saiu por menos de 15 reais. É a mesma coisa que falam que alimentação saudável é cara, eu sempre falo: ok, mas uma maçã verde custa mais barato que um pacote de negresco. Geralmente as pessoas ficam caladas quando eu falo isso. Vai no final do dia da feira que você pagará mais barato por ótimos legumes e frutas. Ou seja, são escolhas que você faz para não apertar o orçamento, mas tem gente que prefere mais reclamar do que outra coisa...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nadja,
      Você tem toda a razão. Maçãs e bananas são mais baratas, mais saudáveis e nutritivas que biscoitos recheados e salgadinhos. Mas ninguém diz isso. Parece que só querem criticar a dieta mesmo, não se dão ao trabalho de pesquisar e pensar.
      Confesso que não sou fã de extrato de soja, mas queria tanto gostar, porque é bem mais barato que os leites de soja e são ricos em proteína...
      Leite de coco e óleo de coco em bolos fica maravilhoso!
      Beijos

      Excluir
  5. Claro! Com certeza, pode ser mto mais barato. Eu percebi isso qndo fui morar em outra cidade e eu que fazia as compras. Como sempre (independente de ser vegan ou n) compro feijão, arroz, macarrão, pão, verduras e frutas, se ainda tivesse q comprar leite e carne n sei como ia ser, mto provavelmente compraria menos verduras e frutas (como a maioria das pessoas). O preço da soja e outros substitutos como grão de bico, nem se compara ao preço da carne, rendem bem mais e mto mais baratos. Então, mesmo se for pra comprar guloseimas veganas mais caras de vez enqndo, no final n vai ficar caro coisa nenhuma.

    Claro algumas coisas são mais caras, como o iogurte (batavo), os hambúrgueres, a salsicha, tofu... Mas creio ser mais por conta da pouca procura. E mesmo assim da pra comprar algumas vezes, já q n tenho gastos com carnes e laticínios. Fora que nem é saudável ficar se entupindo de cachorro quente e hambúrguer, apesar de que esses produtos veganos costumam ser saudáveis, mas o que quero dizer é que uma pessoa onívora com o mínimo de consciência não vive consumindo essas coisas, então nesse caso n é nem questão de ser vegano ser caro, mas a pessoa é que come porcaria que costuma ser barata. E olha que tem umas porcarias q a maioria consome q n são nada baratas, como Mc Donald's e coisas do tipo.

    Então, o problema é que mtos onívoros se alimentam mal, n comem frutas e verduras. Aí claro, comer só arroz, feijão, uma saladinha (bem pouco e mtos nem isso) simples, tipo alface e uma carne ou ovo e tb lanchar umas porcarias, tipo mortadela, salsicha, comer um monte de pão, claro que vai ser mais barato, mas aí é pq a pessoa n se alimenta bem e n pq é onívora. Uma pessoa que se preocupa em se alimentar bem se tornando vegana certamente vai gastar muito menos. Fora que tem os exemplos q vc deu de produtos q n são caros comparados a outros n veganos q estariam em uma categoria de melhores. Uma opção tb q n é cara são os produtos "quebra cabeça". O mandiokejo se n me engano sai mais barato, ou quase a mesma coisa que a mussarela.

    Enfim, se tornar vegano vai depender mto mais da boa vontade, interesse da pessoa e sua visão de mundo. Vc pode gastar mais de um lado, mas vai economizar de outro. Tem mtos que preferem gastar com porcarias e futilidades pra ter uma vida de aparências(um carrão, um cordão gigante, usar assessórios e roupas com marcas p ostentar) e economizam em outras coisas como na alimentação e outros produtos em geral de baixa qualidade. É que mais tem hoje em dia...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com tudo o que vc disse, Mariana!
      Boa parte dessa alegação de que a alimentação vegana é cara, é desculpa esfarrapada para não virar vegano!
      As pessoas tem prioridades diferentes e pão duragem seletiva. Preferem "economizar" 2 reais no tofu ou no iogurte, mas gastam horrores em outras coisas (barzinho, shopping etc). Ok, gastem com que quiserem, mas só não me venha com essa de que alimentação vegana é cara!
      Sim, os produtos do Quebra-cabeça são bons, saudáveis e baratos!

      Excluir
  6. Boa noite,
    observei que você é de Belo Horizonte, então me mudei a pouco tempo e nos supermercados próximos a minha casa não tem NADA. E ainda não encontrei alguém que poderia me informa onde posso comprar hamburger, salchicha ou outros similares! se você puder me ajudar ficarei grata!

    ResponderExcluir
  7. Muito oportuna e coerente tua abordagem

    Essa é uma questão mais comportamental cultural do que propriamente econômica...

    A consumo deliberado da carne, de processados, de industrializados ou do gourmet (pratos de restaurante) onívoro se dá mais por gula, por prazer ou vício do que pelo preço ou valor financeiro.

    O veganismo precisa acrescentar a seu rol de esforço e inteligência para chamar a atenção e convidar as pessoas para essa bela, coerente e divina filosofia e hábito de nutrição, justamente para o prazer, porque de fato, a maioria da humanidade se alimenta mais pela boca do que pelo estômago, ou seja come mais pelo sabor, do que pela nutrição.

    Sem contar no status ou descontração de comer "fora".

    Como qualquer adicto ou viciado, só se importa em alimentar seu vício, ainda que se destrua e destrua tudo a seu redor, então por essa realistica comparação, entenderemos (bem sei que já fui e tive varias recaídas) os onívoros ou inconscientes, priorizam o prazer em comer.

    Porém, sabemos que é possível fazermos os dois, comer com-ciência e prazer.

    Particularmente leite não aprecio nem da vaca nem da soja, bem pouco até o materno, mas um queijo pra largar o da vaca só quando provei e gostei do vegano.

    Tirando o queijo, minha alimentação é barata e simples, gostei mais dos alimentos (frutas, verduras, leguminosas, grãos,raízes ervas) sem muito processamento ou requinte, gosto de consumir crus ou refogados...
    mesmo porque não sei e não me interesso em aprender arte culinária, vantagem para pessoas como eu, que vivem do básico e eficaz no tocante a nutrição alimentícia.

    Assim aprendi a comer para viver, e não viver para comer...

    ResponderExcluir